Investimento sistemático: o que é isso, como funciona e quais as vantagens?

Investimento sistemático: o que é isso, como funciona e quais as vantagens?

GERAL
24/08/21
GERAL
24/08/21

Ao longo dos anos, duas abordagens distintas surgiram e dominaram o processo de gestão de recursos: o investimento discricionário e o investimento sistemático. Continue a leitura para entender um pouco mais sobre essas duas modalidades e por que o investimento sistemático pode ser uma opção interessante para diversificar o seu portfólio.

Gestão discricionária

Apesar do uso incomum do termo discricionário, essa metodologia já é provavelmente conhecida por você em algum nível – já que a gestão discricionária é a metodologia mais antiga e predominante no mercado brasileiro.

Discricionariedade relaciona-se com “livre de condições, de restrições; arbitrário”. 

De um ponto de vista prático, ela é caracterizada pela concentração das decisões relativas à alocação de recursos em um gestor, gerente de portfólio ou consultor de investimentos.

Ou seja, o processo de análise de valores mobiliários pode ser realizado por um grupo de especialistas, mas a decisão final da alocação de recursos normalmente concentra-se em uma pessoa.

Essa definição pode parecer óbvia. No mercado brasileiro, a metodologia discricionária ainda é utilizada quase que exclusivamente.

Investimento sistemático

Por outro lado, o investimento sistemático – normalmente associado com o termo “quantitativo” – surgiu nos EUA nas décadas de 1980 e 1990, e constitui atualmente uma parcela significativa do mercado mundial de investimentos.

Em 2018 estimava-se que cerca de 37% de todos os fundos de investimento no mundo eram sistemáticos. Pela taxa de crescimento, é provável que atualmente este número seja ainda maior [1].

Do ponto de vista prático, o investimento sistemático baseia-se no uso de modelos matemáticos para estudar o comportamento dos ativos e para tomar as decisões de alocação do capital.

Em outras palavras, no investimento sistemático o ser humano é substituído por uma máquina.

O termo sistemático – “que segue um sistema” – associa-se com a construção de um processo lógico e computacional para tomada de decisão e alocação de recursos.

Benefícios do investimento sistemático

A implementação de um sistema para monitoramento do mercado e tomada de decisões traz benefícios claros, porque:

  1. É possível avaliar continuamente todas as ações do mercado através de computadores;
  2. As decisões se baseiam em evidências empíricas e não em previsões subjetivas ou percepções individuais;
  3. É implementado um processo de gestão de riscos que leva em conta cenários adversos, incertezas e erros nas avaliações dos ativos;
  4. São eliminados os efeitos negativos da emoção no processo de decisório; e
  5. É possível avaliar o comportamento do sistema em diferentes contextos de mercado, a partir de simulações que utilizam dados históricos.

Em resumo, uma estratégia de investimentos sistematizada apresenta testabilidade, repetibilidade e escalabilidade. Isso proporciona melhores resultados e mais tranquilidade em um horizonte de longo prazo.

Investindo de forma sistemática, você não precisa se preocupar em constantemente avaliar e escolher ativos, e nem se agarrar às notícias e cenários de mercado, porque o sistema faz isso para você.

Por outro lado, ao invés de focar em decisões individuais, a construção de uma estratégia sistemática preocupa-se com o aprimoramento do processo de tomada de decisão. Para isso, é utilizado o método científico para formular hipóteses, testar e validar o processo de tomada de decisão. 

Como funciona

Para desenvolvimento e implementação deste sistema, combina-se matemática aplicada e computação ao conhecimento técnico e operacional do mercado financeiro.

  • O conhecimento de mercado produz hipóteses;
  • a matemática aplicada serve como linguagem descritiva para formulação dos problemas;
  • e a computação é responsável pela implementação e resolução iterativa do processo de tomada de decisões.

Parece complexo porque, de fato, construir um sistema de investimento é uma tarefa complexa. Este tipo de abordagem exige um nível de rigor e sofisticação técnica mais elevados que na abordagem discricionária. 

Por muito tempo o investimento sistemático esteve limitado a um grupo restrito de grandes investidores, mas felizmente agora isso está disponível para você de forma 100% automática. 

Clique aqui e conheça as carteiras automatizadas rende AI para começar a investir de forma automatizada com ajuda de tecnologia de ponta!

Este artigo foi escrito pela equipe rende AI —  tecnologia que traz mais tranquilidade e segurança para os seus investimentos de longo prazo.

Referências:

[1] Preqin, “Preqin Global Hedge Fund Report”, 2018.

A SmarttInvest é a SmarttBot para o investidor!

Um bom investimento é aquele que é feito de forma inteligente. Inscreva-se abaixo para receber gratuitamente nossos melhores conteúdos sobre o mercado financeiro: