O clima esfriou

Dança das cadeiras

PANORAMA SEMANAL
19/02/2021
PANORAMA SEMANAL
05/02/2021

Resumo

  • Frente fria: Onda de nevascas nos EUA aumenta consumo de petróleo;
  • A chapa esquentou: Presidente Jair Bolsonaro se desentende com conselho da Petrobras sobre sua política de preços e se contradiz sobre possibilidade de intervir ou não na companhia. Ações da petroleira derretem;
  • O dragão está à espreita: Membros do “Top 5”, grupo das cinco instituições que prevêem com melhor acurácia os resultados do Boletim Focus estimam que inflação pode vir acima da meta em 2021.

Mundo

Semana fria

Mercados ao redor do mundo tiveram semanas encurtadas pelo ano novo chinês, feriado de aniversário de George Washington nos EUA e carnaval no Brasil. A chegada de frentes frias nos Estados Unidos contribuiu para um aumento no consumo de petróleo, fazendo com que o preço da commodity disparasse ainda mais.

A semana foi animada pelo aumento no índice de vendas ao varejo nos Estados Unidos, que teve um crescimento de 5,9% em janeiro, contra um resultado esperado de 1%. O índice de atividade industrial também surpreendeu, tendo um aumento de 12% contra um resultado esperado de apenas 6%.

Esses indicadores demonstram que a economia americana vem se recuperando com vigor no ano de 2021 e fazem reverberar a famosa frase de Warren Buffet na primeira conferência pós-coronavírus de sua companhia, a Berkshire Hathaway: Nunca aposte contra os EUA.

Brasil

Por aqui a chapa é quente

Em meio à greve de caminhoneiros que reivindicam, entre outras coisas, a diminuição do preço do óleo diesel, o presidente Jair Bolsonaro sancionou o projeto de lei que determina a isenção de impostos federais sobre o combustível durante dois meses.

E o presidente da república não parou por aí: condenou a política de repasse de preços adotada pela Petrobrás e se contradisse sobre intervir ou não na companhia. Por ora, Castello Branco segue sendo presidente da estatal, porém as ações da empresa derreteram.

O dragão está à espreita

Membros do “Top 5”, grupo de instituições que têm maior acurácia em prever os resultados dos indicadores econômicos do Boletim Focus, acreditam que a inflação deve superar a meta estipulada pelo Banco Central em 2021.

As instituições também preveem uma alta da Selic, a taxa básica de juros da nossa economia, para 4% até o final do ano. Uma potencial alta da taxa de juros tenderia a pressionar o dólar para baixo e diminuir a atratividade de ativos de risco.

Mercado

Ibovespa: principal índice de ações brasileiro cai -0,58% na semana, pressionado pela queda na Petrobras, que representa cerca de 10% da sua composição;
S&P 500: índice das 500 principais empresas dos EUA cai -0,51% na semana, com queda puxada por ações de tecnologia;
Euro Stoxx 50: maior índice de ações europeias sobe +0,48% na semana;
Nikkei 225: Japão sobe +1,69% no período.

Radar do mercado

Para ficar de olho

  • Brasil

    : Taxa de desemprego será divulgada na próxima sexta-feira.

  • Mundo: Divulgação de pedidos de bens duráveis e PIB trimestral (último trimestre de 2020) dos EUA.

Sobre o autor

Renan Bento

Procurando estimar como as milhares de notícias e informações no mundo inteiro vão interferir na maneira que você toma o seu café.

Faça parte

Seja um usuário Beta!

Invista na bolsa de forma realmente inteligente!

peça seu convite

A SmarttInvest é a SmarttBot para o investidor!